Lucia Sindoya

Taróloga, Cartomante, Terapeuta Holística, Orientadora espiritual

Olá! É um prazer ter você aqui no meu Espaço Luz Vida!
Me chamo Lucia, Sindoya é meu nome iniciático, e meu caso de amor com os oráculos e com os mistérios da vida, começou muito cedo, na verdade, começou quando aprendi a ler. Eu era aquela criança, que ao invés de ir brincar com as outras crianças, muitas vezes passava tardes lendo sobre meu signo chinês, vidas passadas, numerologia, mancias, e lendo a revista destino (sucesso nos anos 80), e claro, fazendo todooosss os testes de personalidade que via pela frente rs.
Sempre fui curiosa, e sempre tive a nítida sensação de que existem muitas coisas além do véu. E como boa curiosa, sigo estudando e descobrindo coisas.
Nunca vi espíritos, mas sempre senti coisas que as vezes as outras pessoas não sentem. Tenho sonhos e insights que trazem recados da espiritualidade. Gosto de entender as pessoas mais a fundo, e geralmente, enxergo além.
Minha mãe sabia ler cartas, e lia quando era solteira, para suas amigas e pessoas próximas. Mas ela nunca me ensinou, e tampouco me falava sobre isso. Porém, acho que eu trouxe no sangue o mesmo dom que ela tem.
Um dia, quando eu já estava entrando na vida adulta, minha cunhada me apresentou o livro "Gong Hee Foot Choi" e um baralho comum. Esse livro ensina uma leitura de cartas num tabuleiro, e ficamos lá, a tarde toda, jogando, (olhando as respostas no livro, já que não sabiamos o significado das cartas), e por incrível que pareça, acertando.
Por fim, essa minha cunhada, que na época era bem bruxinha me disse que havia sentido que eu tinha um dom pra cartas, e deveria me aprofundar mais nisso.
E foi o que fiz.
Não tardou, joguei esse Gong Hee para uma amiga , sendo tão acertiva, que depois de um tempo ela me deu meu primeiro tarô, um egípcio Kier. Ela fez o curso, e resolveu me dar com apostila, toalha, emfim, tudo.
No meu aniversário de 22 anos ganhei um tarô dos Orixás de outra amiga, e posso dizer que foi aí que me enfiei de cabeça no estudo do tarô. Eu já era frequentadora do candomblé na época, e aliar o estudo de arquétipo dos Orixás com o significado das cartas enriqueceu bastante minhas leituras.
Nessa época eu trabalhava em uma empresa, e lia as cartas para pessoas mais próximas, e com um grau de acerto bem positivo. Isso ia me incentivando a estudar mais e mais.
Em 2008, com 27 anos, resolvi deixar de trabalhar no comércio, para me dedicar somente ao trabalho como cartomante. Nesses anos todos trabalhando no comércio, aprendi a escutar o outro, a tentar me colocar no lugar do outro, e tentar de fato resolver o problema daquela pessoa, sem fazer corpo mole, tendo empatia. Foram longos 8 anos de aprendizado no trato à pessoas, mas agradeço por cada cliente exaltado que atendi, pois foi uma escola para lidar com pessoas. Coisa que faço hoje,( modéstia a parte) com esmero.
De 2008 à 2010, atendi em alguns sites, considero esse período como um estágio no atendimento online. Em 2010, abri meu site, havia chegado a hora de alçar mais um vôo.


Paralelamente à tudo isso, no decorrer desses anos todos comecei uma faculdade, que posteriormente tranquei por quê não era nada do que eu estava buscando, tive meu caçula,me iniciei no candomblé, me tornando Dofona de Oya, e vem daí meu nome iniciático Sindoya.
Fiz algumas amizades e alguns colegas no meio, mas sou uma pessoa de sol a poucos graus da casa 12, então eu prefiro andar só. Não sou de pegar carona no sucesso alheio, portanto, dificilmente, vocês verão meu nome em panelinhas ou associado à outras pessoas(famosas ou não)
Fiz um bocado de cursos, em cada um deles, aprendi algo interessante. Mesmo naqueles que falam mais do mesmo, com todos meus mestres, aprendi um bocadinho, e sou grata â todos eles.
Atendo com baralho cigano, tarots variados , sibilla italiana e mesa radiônica, pela internet ou presencialmente em SP capital, no bairro de Artur Alvim, ou no local que o cliente desejar (ex. no seu trabalho/ residência). Também faço uso do tarô como instrumento de magia e terapia. Faço uso de gráficos radiestésicos para equilíbrio energético, emocional e material.
Também ministro curso de tarot para iniciantes.
Procuro ser objetiva e honesta em meu trabalho, me colocando sempre no lugar do outro, para entender melhor o seu momento e como ajuda-lo a modificar o que for preciso. Na minha profissão, não basta apenas saber interpretar símbolos, ou ter intuição, é necessário ter empatia, e reconhecer que cada ser humano tem sua forma de entender e enxergar o mundo. É nisso que baseio meu trabalho. Procuro entender o consulente, e a partir daí, desenvolver a interpretação e orientação das cartas e terapias que pratico.

-Alguns dos cursos que fiz ao longo dos anos:

Reiki Usui - Nível 1 e 2 - Mestra Wera Hanna Gasparoni- 2009
Medicina Africana - Marcelo Alban - online 2012
A magia tradicional dos pajés - Edmundo Pellizari - online 2011
Baralho Cigano - 2011 - online
Mesa radiônica - Luci Moreira - 2013 - Espaço Terapeutico Univida
Magia com tarot - Roberto Caldeira 2014 - Fadas do Bem
Arcanos menores do tarot mitológico - Priya Drsti 2014 - Fadas do Bem
Petit Lenormand escola Alemã - Rose Ragazzon - 2014 online
Arcano Pessoal - Método Jaime Hales - 2014 - Fadas do Bem
Alef- beit - Marcelo Bueno - 2015 - Fadas do Bem
Arcano Pessoal - Módulo II -Mônica Gianini - Fadas do bem -03/2015
Hodoo Tradicional - Kefron Primeiro - em andamento
Tarô básico/ intermediário/ avançado- Roberto Caldeira - 2015
Vera Sibilla Italiana - Andrea del Valle - em andamento
Astrologia nível básico - Com Patrícia Farias - em andamento